Dicas práticas de como organizar mudança residencial
MENU
como organizar a mudança

Uma das principais dúvidas, ao conquistar um imóvel novo, é como organizar mudança de modo eficiente. Isso porque, esse é um momento muito importante para todos.

Seja por estar iniciando uma nova fase, ou ter aumentado a família, esse momento é repleto de novos planos e desejos. Em especial, por uma vida mais tranquila e uma rotina com mais qualidade.

Por isso, é importante planejar tudo com muita atenção, para que esse processo seja rápido. Pois, é muito comum ver que muitas mudanças levam dias para serem concluídas.

Para facilitar para você, trouxemos abaixo as principais dicas de como organizar mudança de maneira fácil e rápida. Boa leitura!

Um passo a passo sobre como organizar mudança

Para realizar uma mudança satisfatória, basta seguir as dicas abaixo. Confira:

A limpeza do novo imóvel é o início do processo de como organizar uma mudança

Receber as chaves do seu novo apartamento significa que você deu apenas o início ao plano de mudança. Assim sendo, é fundamental que, você faça uma boa limpeza, antes de trazer seus pertences.

Aproveite desse momento para, além de fazer uma faxina completa em cada um dos cômodos, reparar nos acabamentos e fazer possíveis manutenções.

A pintura, por exemplo, ou o tratamento dos pisos podem receber uma atenção especial nessa etapa.

Ao entrar com seus móveis e objetos em um espaço limpo, certamente será mais fácil de organizar e planejar sua nova rotina. Invista nesse processo com bastante carinho.

Separe seus objetos e embale-os por categoria

Essa é, com certeza, uma das etapas mais difíceis sobre como organizar mudança: embalar os objetos. Isso acontece, porque quanto mais prática estiver a separação, mais fácil será a organização dos itens no novo lar.

Portanto, um dos principais segredos é embalar de maneira organizada. Assim, você pode fazer a divisão por cômodos e separando-os em categorias.

E atenção: existem dois pontos de atenção muito importantes para esse momento. O primeiro é tomar muito cuidado com objetos que possam quebrar. Embale-os em jornal, para mantê-los mais seguros.

Outro cuidado, no entanto, é o descarte dos itens que você não precisará mais. Aproveite desse momento para desapegar de coisas que não farão sentido na nova casa.

Não se esqueça de anotar nas caixas qual é a categoria guardada ali. Por exemplo, você pode anotar “cozinha – talheres”, para encontrar esse item com mais facilidade.

Organize seus itens dentro de caixas de papelão

Muito comuns em todas as mudanças, as caixas de papelão são ideais para protegerem os itens e ainda, trazer praticidade para carregar toda a mudança.

Sendo assim, é importante se lembrar, na hora de encaixotar seus pertences, de estar atento, para não escolher as caixas erradas. Caixas muito grandes podem dificultar o carregamento. Em especial, pelo peso que elas podem conter. Por outro lado, caixas muito pequenas criam um volume desnecessário para a sua mudança.

Ainda assim, é importante reforçar o fundo das caixas, para que elas não se abram durante o caminho. Depois disso, garanta que os objetos mais pesados sejam guardados no fundo das caixas. Os mais leves, no entanto, podem ficar em cima.

Por fim, lacre a caixa com uma boa fita adesiva e faça a sua identificação.

Cuide dos objetos mais sensíveis

Investir em plástico bolha para embalar louças, objetos de vidro e itens com valor sentimental que podem se quebrar é, com certeza, uma dica muito valiosa.

Isso porque, esse material evitará o atrito entre as coisas guardadas juntas e assim, evitará que quebras, trincas e surpresas desagradáveis ocorram durante o percurso.

Além disso, não se esqueça de sinalizar, na caixa, sobre a fragilidade dos itens que estão ali. No entanto, você pode separar esses objetos e levá-los de maneira mais segura, no carro.

Um segredo sobre como organizar mudança: separe as caixas por cômodos

Organize um mapa mental com tudo o que foi encaixotado. Para tanto, você pode organizar em sua cabeça, como será feita essa distribuição das caixas na casa nova.

Assim, visualize onde os objetos serão posicionados e lembre-se de verificar se todas as caixas estão com as identificações devidas, para serem identificadas com facilidade.

Isso permitirá que, ao chegar em seu novo lar, as caixas sejam depositadas nos cômodos correspondentes certos. Isso evitará, no entanto, que haja o acúmulo das caixas na sala, por exemplo, atrapalhando a passagem.

Busque por um carreteiro, para transportar sua mudança

Serviços profissionais são os mais indicados para esse momento. Isso porque, é importante que o carreteiro te ofereça tudo o que você precisa, para uma mudança tranquila.

Por isso, dedique-se a buscar um fornecedor que seja de total confiança. Pegue referências de conhecidos, analise o custo-benefício e feche com quem te apresentar mais confiança.

Além disso, ao contratar, certifique-se de combinar todo o roteiro da mudança de forma detalhada, com o responsável pela mudança. Passe para ele o dia e horário, local de saída e destino, o tamanho da carga e tudo o que achar importante.

Com isso, você garantirá mais agilidade para esse momento.


Ao descarregar, atente-se novamente às categorias

Assim como já comentamos acima, ao retirar sua mudança do caminhão, é importante que você fique atento às anotações feitas na caixa.

Mesmo porque, essas identificações apontarão um caminho, para a organização de sua casa. E, ao acompanhar as identificações, você conseguira saber por onde começar.

Por exemplo, na cozinha, você poderá guardar os talheres, copos, pratos e demais itens com mais rapidez. Bem como, na sala, você poderá guardar os livros em primeiro lugar, e optar pelas outras categorias na sequência.

Faça tudo no seu tempo

Como sabemos, o processo de mudança e organização do seu novo lar pode levar várias horas. Bem como, dias ou até mesmo, a semana.

Foque em organizar o fundamental, para que sua rotina não seja prejudicada e, aos poucos, você poderá ajeitar os detalhes menos importantes.

Assim, você não se sobrecarrega. Portanto, deixe para pregar os quadros e definir a disposição dos itens de decoração, por exemplo, para depois. Assim, você conseguirá fazer com mais atenção e da maneira que preferir.

Gostou de nossas dicas? Continue em nosso blog e confira também, as dicas de decoração que trouxemos para você!